Ciclo de Conferência “Cultura e Cidadania”

A Árvore completa este ano 53 anos de existência sem nunca perder as referências que estiveram na base da sua formação, nomeadamente tornando-se um espaço de liberdade caracterizado pelo sadio confronto de ideias.
A Árvore, ao longo deste período, nunca se alheou da sociedade que a envolve nem das personalidades que no País contribuíram para a divulgação dos nossos valores culturais e da cidadania.
Nesse sentido, o actual Conselho de Administração deliberou organizar um ciclo de conferências, homenageando personalidades das várias áreas do saber.

04 / MAIO 2017 / 21h30
O PINTOR / JORGE PINHEIRO
Laura Castro
Fátima Lambert
Árvore-Coop. de Actividades Artísticas

08 / JUNHO 2017 / 21h30
O CIENTISTA / ALEXANDRE QUINTANILHA
Sobrinho Simões
Manuel Correia Fernandes
Árvore-Coop. de Actividades Artísticas

30 / JUNHO 2017 / 21h30
O PORTUENSE / MIGUEL VEIGA
Artur Santos Silva
José Pacheco Pereira
Manuel Cabral
Árvore-Coop. de Actividades Artísticas

06 / JULHO 2017 / 21h30
O CIDADÃO / ANTÓNIO RAMALHO EANES
Guilherme Oliveira Martins
José Carlos Vasconcelos
Árvore-Coop. de Actividades Artísticas

ÁRVORE
COOPERATIVA
DE ACTIVIDADES
ARTÍSTICAS, CRL

ORGANIZAÇÃO
Árvore / Cooperativa
de Actividades Artísticas, Crl

COORDENAÇÃO
Amândio Secca / Árvore

COMISSÁRIOS
José da Cruz Santos
Manuela de Abreu e Lima

“Dias da Música” regressam de 28 a 30 de abril de 2017

Os “Dias da Música” regressam ao Centro Cultural de Belém, em Lisboa, de 28 a 30 de abril de 2017, sob o tema “Letras da Música”.

As datas e o tema do próximo ano foram anunciadas pelo presidente do Centro Cultural de Belém (CCB), Elísio Summavielle, numa conferência de imprensa de balanço da edição deste ano, que decorre sob o tema “A volta ao mundo em 80 concertos”.

Até às 17 horas deste domingo, tinham sido emitidos 22496 bilhetes, dos 30528 disponíveis para os 80 concertos que decorrem desde sexta-feira no CCB, prevendo a organização uma “receita de bilheteira superior à do ano passado”.

Segundo Miguel Leal Coelho, um dos administradores do CCB, até às 17 horas, os concertos tinham uma capacidade de ocupação de 74%, “superior a 2014 e quase ao nível de 2015”.

“Temos tido casa cheia. Faço um balanço francamente positivo do grande investimento feito todos os anos” numa iniciativa que “faz parte do mapa cultural de Lisboa e do país”, afirmou Elísio Summavielle aos jornalistas.

Em relação à edição do próximo ano, o programador dos “Dias da Música” André Cunha Leal adiantou estar “a pensar lançar o desafio a alguns escritores para que também sejam programadores”.

O programa desta edição – desenhado há cerca de um ano – foi inspirado na obra “A volta ao mundo em 80 dias”, de Júlio Verne, e no início da expansão de Portugal pelo mundo, quando em 1415 os portugueses chegaram a Ceuta, propondo uma viagem da América Latina ao Extremo Oriente, dos Pirenéus aos Urais.

A edição deste ano, a 10.ª da iniciativa, termina às 21:30 horas com o concerto de encerramento no Grande Auditório. O espetáculo será emitido em direto na RTP.

Estreia | Espetáculo ” Diario de Anne Frank”

Espetáculo dirigido a público escolar de 3º Ciclo e Secundário, decorre no dia 27 de abril de 2017, pelas 11h00 e 28 de abril de 2017, pelas 15h00 na biblioteca Almeida Garett, no Porto e tem um custo gratuito.

Sinopse:
“Diário de Anne Frank”
Passados 82 anos, o Holocausto Nazi continua a ser um dos grandes crimes perpetrados contra a Humanidade. Partimos de “Diário de Anne Frank” para mostrar uma época de grande ostracização para com a comunidade judaica na Europa do sec. XX. Através da história da família Frank percebemos a violência perpetuada pelo “Partido Nazi”, que após chegar ao poder em 1933 através de eleições, não pára de devastar um povo criando leis discriminatórias e fazendo-o perder os seus direitos. Achamos pertinente apresentar a partir do “Diário de Anne Frank” alertando os jovens que estes são o futuro e não podem permitir novos holocaustos.

DeROSE Talks | Como ser assertivo no dia-a-dia

Gostavas de ser mais assertivo sem ser mal entendido? Tens a tua oportunidade no dia 21 de Abril de 2017, pelas 20h00, no Porto, com entrada gratuita.

O comportamento assertivo está diretamente relacionado com a capacidade que cada um tem de conseguir expressar, de forma direta, as suas necessidades ou preferências, emoções e opiniões, sem que com isso experiencie ansiedade desnecessária, ou viole as necessidades do outro.

Vem aprender como melhorar a tua capacidade em ser assertivo e dessa forma, melhorar também as tuas relações.
Para reservar o teu lugar
boavista.pt@derosemethod.org

Jaques Morelenbaum regressa a Portugal para três concertos

O intérprete e compositor atua nos dias 18, 20 e 21 de abril em Lisboa, Coimbra e Estarreja

“Figura de proa da música popular brasileira, o instrumentista, violoncelista, arranjador, produtor, compositor e maestro Jaques Morelenbaum regressa a Portugal, no próximo mês de abril, para nos contar a história do samba”, pode ler-se no comunicado enviado pela produtora IM.par.

Os concertos vão ter lugar no Teatro Tivoli, em Lisboa, no Auditório do Conservatório de Música, em Coimbra, e no Cine-Teatro de Estarreja, nos dias nos dias 18, 20 e 21 de abril, respetivamente.

A produtora recorda que Morelenbaum é “conhecido em todo o mundo pelas suas colaborações com Tom Jobim, Caetano Veloso ou Ryuichi Sakamoto, tendo colaborado também com nomes ligados ao fado como Mariza ou Carminho (no álbum de versões de Jobim que esta última editou recentemente)”.

“Jaques Morelenbaum apresenta-se agora com o seu CelloSambaTrio. Traz um espetáculo que empresta ao samba o sabor intimista da música de câmara, contando com Lula Galvão no violão e Márcio Dhiniz na bateria. Adriana Calcanhotto participa como convidada no concerto do Teatro Tivoli BBVA”, acrescenta o comunicado.

A produtora salienta, ainda, que “Saudade do Futuro Futuro da Saudade”, disco de 2014 do Jaques Morelenbaum CelloSambaTrio, “servirá de fio condutor a um espetáculo que enaltece a importância histórica do samba, enquanto soma perfeita da diversidade cultural do Brasil”.

Preçário Inscrições | FIGAC 2017

Relembramos que o preçário das inscrições se encontram disponíveis no site, alertando que existiram alterações nos seus valores desde o dia 16 de março. Para os estudantes do IPVC o preço é de 5€. Estudantes para grupos de 20 ou mais elementos pertencentes a outras instituições de ensino o preço é de 10€. Para estudantes individuais de outras instituições de ensino o custo é de 20€. O valor para docentes, Profissionais do Setor Cultural e Criativo e para o publico em geral o custo é de 50€. Informamos que a participação no evento fornecerá toda a documentação do fórum bem como o respetivo certificado de participação tendo ainda a publicação do seu trabalho publicado nas plataformas eletrónicas do FIGAC.

 

Atenciosamente,

A Comissão Organizadora.

Aviso | FIGAC 2017

Relembramos a todos os oradores que participarão na VIII Edição do Fórum Internacional de Gestão Artística e Cultural (FIGAC, 2017) que é necessário enviar o texto sobre as propostas de comunicação, na sua forma integral, até dia 15 de Abril de 2017, para o email: figacipvc@gmail.com. Aproveitamos ainda esta comunicação para relembrar que a partir do dia 16 de Abril de 2017, encerramos todas as informações para acolhermos as possíveis propostas de comunicações.